Por que ir ao Japão em abril

Notice: Undefined variable: site in /var/www/wp-content/plugins/adrotate-pro/adrotate-output.php on line 305 Notice: Undefined variable: site in /var/www/wp-content/plugins/adrotate-pro/adrotate-output.php on line 398

A floração das cerejeiras em Chidorigafuchi no Palácio Imperial Sakura Yozakura no Maruyama Koen, em Kyoto
Dura apenas uma semana. É aguardado ansiosamente por todos os japoneses, de Kyuushu a Hokkaido. É anunciado pela Agência Meteorológica do Japão e quando começa, só se fala disso em todas as emissoras de TV do país (tá bom, tô exagerando, mas é quase isso). Mas é um dos espetáculos urbanos — e naturais — mais lindos do mundo. E como o Japão é uma ilha comprida, que se estende “verticalmente”, a floração começa no Sul do país e vai “subindo” em direção ao Norte. Em Tóquio, um dos lugares mais procurados para o hanami  é o Parque Ueno (Ueno Koen), que tem quase 9 mil cerejeiras. Em Kyoto, o Maruyama Koen (koen é parque em japonês), que é decorado com lanternas de papel à noite para que os visitantes bebam sake, comam seus bento e celebrem a floração das cerejeiras é o lugar. Esse ano, o hanami  em Kyoto aconteceu de 31 de março a 10 de abril.

Hanami é formado pelos kanji  “flor” e “ver” e pode ser traduzido como “contemplar as flores”. Yozakura (yo para “noite” e zakura para “cerejeira”) é termo que se diz para a contemplação à noite. ;-)

VEJA MAIS


shoichi.simonde@gmail.com