Park City: A cidade bilionária que perdeu tudo e se tornou um dos mais interessantes – e completos – destinos de ski do mundo

Esquiar e se deparar com construções de madeira e de ferro abandonadas do século 19 no meio das montanhas (uma paisagem única entre os resorts  de esqui no mundo), imaginando que existem dois mil quilômetros de túneis subterrâneos (!) a uma profundidade de até duas vezes o tamanho do Empire State Building por baixo das pistas (!!), e se deparar com grafites de Banksy pelas ruas do centrinho histórico da cidade, são apenas algumas  das emoções que se têm em Park City, essa cidade fundada em 1884 durante a “corrida para o Oeste” graças à descoberta de enormes minas de prata (fonte de riqueza de dezenas de fortunas dos Estados Unidos; entre elas, a da família Hearst). E viajar para Park City é isso: se aventurar por 256 quilômetros de pistas, a maior área esquiável dos Estados Unidos, administradas pela Vail Resorts (a mesma de Vail, Beaver Creek, Whistler Blackcomb, e Ver Mais →

VEJA MAIS


shoichi.simonde@gmail.com