Considerações sobre o papel do turismo de luxo – incluindo os viajantes – por um mundo mais sustentável

Quatro BILHÕES de passageiros foram transportados pelas companhias aéreas em 2017 (sem contar as viagens por terra e por mar). E a projeção é que esse número aumente em 5,6% em 2018 (o que é um grande problema para o planeta, saiba por que mais abaixo). E a pergunta é: como  qualquer coisa de genuíno pode sobreviver em Reykjavik, a pequena capital da Islândia com 122 mil habitantes, quando em dez anos a cidade passou a receber 2,5 milhões de turistas por ano (eram 450 mil em 2007)? Pedaços de paraíso na Terra como a ilha filipina de Boracay e também seis das mais populares ilhas da Tailândia (de Koh Samui a Koh Khai Nai) acabam de banir turistas por alguns meses, apesar de o turismo representar praticamente 20% do PIB nacional. E tem mais: nos últimos dois anos, Milão criou uma lei proibindo paus de selfie  em toda a cidade, Florença lançou uma cartilha de bons modos para turistas mal educados, e em Barcelona, Amsterdam e Veneza assistimos Ver Mais →

VEJA MAIS

The Spa do Renaissance: Com produtos orgânicos e a uma quadra da Paulista, tem tudo para muitas horas de saúde e bem-estar

Além da questão do uso de água no processo de fabricação, da crueldade com os animais e do descarte de lixos tóxicos que destroem a natureza, estamos todos os dias sendo envenenados, fora e dentro de casa, com a poluição do ar, os agrotóxicos nos alimentos, os parabenos nos cosméticos (de aparentemente  indefesos shampoos a hidratantes), os derivados de petróleo nos produtos de limpeza, os remédios… Ter um jantar saboroso em um restaurante cujos ingredientes utilizados estão cheios de hormônios e agrotóxicos — são mais baratos, né? — sempre tira um pouco o brilho do jantar. E, conforme aumenta a nossa consciência sobre assunto, o mesmo acontece quando o assunto é beleza. Quais são os cremes e óleos que spas e clínicas de estéticas aplicam; produtos que nós, relaxados, quase nunca vemos?

E, a uma quadra da Avenida Paulista e do metrô Consolação, o The Spa, o espaço de beleza e bem-estar renovado do hotel Renaissance — para nós da Simonde, o hotel mais bem localizado da cidade; saiba por que clicando aqui —, vem com essa proposta. Além de só utilizar produtos naturais e livres de testes em animais nos tratamentos, eles Ver Mais →

VEJA MAIS

Hotel de Russie: Renascido na Piazza del Popolo em Roma, a melhor suíte deste palazzo histórico não é a mais cara

Não estranhe o nome da Rússia, em francês, deste hotel em Roma localizado entre duas das mais lindas e icônicas praças da Cidade Eterna: a Piazza del Popolo e a di Spagna (porque o Hotel de Rome, também da rede Rocco Forte, fica em Berlim, olha só). Quando o Hotel de Russie abriu, no fim do século 19, com um nome ainda mais estranho para um hotel romano — Grand Hôtel de Russie et des Îles Britanniques —, ocupando um palazzo  construído em 1818 para a família Torlonia e projetado pelo mesmo arquiteto que redefiniu a Piazza del Popolo, ele era frequentado principalmente por membros da aristocracia e da intelligentsia  russa: pense na princesa Zinaida Yusupova, herdeira da maior fortuna do país (fora a da família imperial) e mãe do príncipe Felix, que matou Rasputin; em Sergei Diaghilev e seus Ballets Russes, junto com Picasso; e em Igor Stravinsky, parceiro de Diaghilev e um dos mais importantes e influentes compositores do século 20, que dá nome ao bar-lounge-com-área-al-fresco  do hotel, que adotou a grafia oficial e não-anglicizada Stravinskij. (Nessa época, a França era referência de sofisticação para a elite russa, que não só era fluente Ver Mais →

VEJA MAIS

Qual a diferença entre sidra e cidra? E o que a erva-cidreira tem a ver com elas?

Sidra e cidra são coisas completamente diferentes. Sidra-com-s é a bebida alcoólica produzida a partir do suco fermentado da maçã, a Malus domestica (mas não dessa maçã docinha que a gente come, e sim de uma mais bem amarga, ácida e tânica, ou seja, nada  agradável na boca; lembre-se de que são centenas as variedades de maçã no mundo, já que elas têm um DNA mais complexo que o nosso: são 57 mil genes contra os nossos 25 mil…). Já a cidra-com-c é o fruto da cidreira (Citrus medica), um ancestral grande e ácido do limão (Citrus limonum), proveniente do Sudeste Asiático, que tem uma entrecasca (aquela parte branca entre a casca e a polpa) bastante espessa, que é utilizada para fazer compotas (como a polpa da cidra é pequena, ressecada e não tem muito sabor, ela é descartada).

SIDRA, CIDER, CIDRE

Mas a confusão é compreensível, já que tanto em inglês quanto em francês, o nome da bebida é escrito com “c”: hard cider*, em inglês, e cidre, no idioma dos Luíses. Já a fruta Ver Mais →

VEJA MAIS

SIGA A SIMONDE

Interaktiv