Os belos – e italianíssimos – novos uniformes dos tripulantes da Alitalia

Estou apaixonado pelos novos uniformes da tripulação da Alitalia: os chapéus que fazem referência aos terraços de Cinque Terre na Riviera Italiana; os vestidos vermelhos usados com meia-calça e acessórios verdes e os uniformes verdes usados com meias, sapatos e bolsas bordeaux; as luvas bicolores em couro; as muitas estampas em várias tonalidades de verde e vermelho misturadas, como só os italianos conseguem combinar e fazer dar certo. (Só não gostei do colete double-breasted com estilão de fraques antigos dos comissários masculinos.) E sobre a opinião de muita gente que não considera o uniforme elegante (“onde já se viu meia calça verde?”, escutei), eu penso que o uniforme da tripulação de uma companhia aérea pode, sim, ir além da elegância tradicional e arriscar, ser lúdico, um statement. Pois o que eu posso garantir hoje, depois de ver os funcionários da Alitalia andando pelos aeroportos do mundo, é que eles não passam despercebidos em nenhum lugar. Quer melhor branding ?

Depois de vinte anos usando os mesmos uniformes (lembrando que Mila Schön — em 1969 e 1972 — e Giorgio Armani — em 1991 — já assinaram os uniformes da Alitalia; os últimos eram da Mondrian, uma casa di moda  de Modena, de 1998), a coleção criada pelo estilista baseado em Milão Ettore Bilotta (o mesmo que desenhou os últimos uniformes da Etihad Airways, companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos baseada em Abu Dhabi, que desde 2014 é dona de 49% da companhia aérea sinônimo de Itália e transportadora oficial do Papa), estreou na terra e nos ares em julho de 2016.

E sendo a Itália terra da moda e do design, tudo é local : os tecidos vêm da Toscana; a seda, de Como; na Puglia, foi confeccionada a alfaiataria dos uniformes masculinos; em Napoli, os acessórios em couro, como as luvas e as bolsas; já os sapatos vêm de Marche.

Confira abaixo o apaixonante editorial clicado pelo fotógrafo Pierpaolo Ferrari e não deixe de assistir ao novo vídeo institucional LINDO com uma versão mais elegante — e não gritada — da música Volare.

HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0
HyperFocal: 0

VEJA MAIS


shoichi.simonde@gmail.com